Realizado ultrassom em receptoras

A Fazenda Cabeceira do Prata (Jardim-MS) recebeu no último sábado (07) a visita do veterinário Menegatti para a realização de diagnóstico de sexagem da terceira FIV – Fertilização In  Vitro, que aconteceu durante o mês de novembro de 2011, com o objetivo de verificar os embriões implantados nas vacas receptoras.

Confira as fotos:

Na foto: Menegati (macacão cinza) acompanhado por seu estagiário.
Menegati durante procedimento. 

Visualização durante ultrassom.
Aparelho de ultrassom.

 Ivan da Mata – Veterinário da Fazenda Cabeceira do Rio da Prata.

 

Nascem dois bezerros Gir na Fazenda

Durante o mês de janeiro, a Fazenda Cabeceira do Prata irá registrar um número  maior de nascimento de bezerros da raça Gir Leiteiro.

No dia 08 de janeiro nasceu dois exemplares. São eles:

Cacau (LLSE 20) – filha de Itaipava de Brasília x Vaidoso da Silvania, é a 20º bezerra nascida no local, sendo a 11º através de FIV. Nasceu com 20 kg. Sua pelagem é vermelho chitado. Seu rabo, pata e focinho são pretos e sua orelha é vermelha. Sua receptora é:748726.

Chanel (LLSE 21) – filha de Diversão Villefort x Vaidoso da Silvania, é a 21º bezerra nascida na Fazenda Cabeceira do Prata, sendo a 12º através de FIV. Nasceu com 31 kg. Sua pelagem também é vermelho chitado. Seu rabo, pata e focinho são pretos e sua orelha, assim como a de Cacau, também é vermelha. Sua rceptora é: 748768.

 

Nasce 19º bezerro da raça Gir na Fazenda

No último sábado (07/01) nasceu um novo bezerro da raça Gir Leiteiro na Fazenda Cabeceira do Prata, em Jardim (MS). 

Cascalho (LLSE 19) é filho de Celestial Villefort x Vaidoso da Silvania. Com pelagem vermelho chitado, o bezerrinho nasceu pesando 23 kg.

Sua pata, focinho e rabo são da cor preta, Já sua orelha é vermelha.

Cascalho é o 10º bezerro nascido de FIV na Fazenda.

Sua receptora é: 588958.

 

Técnico da ABCZ realiza controle leiteiro

No dia 21 de novembro, o técnico da ABCZ – Associação Brasileira de Criadores de Zebuínos e médico veterinário, Adnelson Vendrame, esteve na Fazenda Cabeceira do Prata para realizar um controle leiteiro.

Participaram do procedimento as exemplares da raça Gir Leiteiro: Celestial Villefort, Dalta Villefort, Derbati Villefort, Dicaeli Villefort, Duida Villefort, Injeção de Brasília e França.

A primeira ordenha foi realizada às 04h50 e a segunda no período da tarde, às 16h20.

Confira abaixo o relatório de pesagem de leite, emitido pela ABCZ:

Terceira FIV na Fazenda

No dia 1º de novembro a empresa Embryosul realizou uma nova Aspiração Folicular em exemplares da raça Gir Leiteiro na Fazenda Cabeceira do Prata (Jardim-MS).

A transmissão de embriões foi realizada no dia 09 de novembro e contou com a presença de Menegati, veterinário resposável pelo procedimento.

As exemplares da raça gir que foram aspiradas são:

Itaipava x Falcon – total de 5 embriões transferidos, sexados fêmea;
Indústria X Sansão – total de 6 embriões transferidos, convencional;
Bárbara x Falcon – total de 3 embriões transferidos, sexados fêmea;
Injeção x Falcon – total de 7 embriões transferidos, sexados fêmea;
Celestial x Falcon – total de 10 embriões transferidos, sexados fêmea;
Duida x Sansão – total de 6 embriões transferidos, convencional

37 novilhas cruzadas meio -sangue Black Angus foram fertilizadas (FIV) com os embriões. Veja as fotos do procedimento:


Avaliação Linear é realizada na Fazenda

No dia 22/11, o técnico da ABCZ Adnelson Vendrame esteve na Fazenda Cabeceira do Prata para a realização da Avaliação Linear de 06 matrizes de Gir Leiteiro. As matrizes avaliadas foram: Celestial, Dalta, Derbati, Dicaeli, Duida, Injeção e França.

A avaliação linear é um procedimento de medição morfológica e das características do sistema mamário das matrizes, que tem como objetivo ver as forças e fraquezas do animal, visando identificar acasalamentos que irão trazer melhoramento genético para a raça. Para saber mais sobre este procedimento, leia o arquivo do Programa Nacional de Melhoramento do Gir Leiteiro 2010 sobre Avaliação Linear.

Veja abaixo as fotos da avaliação linear da França de Brasília:

Veja abaixo os dados coletados durante a avaliação linear:

MEDIDAS MORFOLÓGICAS

Corpo
ALT G: 141
PERT: 189
ALTI: 118
COM P: 114

Garupa
COM G : 44
LIS Q 19
LILE O: 45

CARACTERÍSTICAS DO SISTEMA MAMÁRIO

Úbere
LA: 5
AU P: 14
LC: 6
PU: 7
DT: 5

Tetos
CAN: 9,0
CPO: 4,5
DAN: 7,0
DPO: 3,5
CU M: 12

PERNAS E PÉS
POS L: 2
POS T: 7

CARACTERÍSTICAS DE MANEJO
T: 5
F: 5
PIG M: 4

Primeiro controle leiteiro

Foi realizado no dia 1º de agosto, na Fazenda Cabeceira do Prata, o controle leiteiro da vaca Gir ,Dicaeli Villefort, pelo médico veterinário Adnelson Vendrame da Associação Brasileira de Criadores de Zebuíno – ABCZ.

De acordo com informações da Embrapa Gado de Leite, esse controle é importante para seleção no rebanho, comércio, manejo e alimentação dos animais, como o fornecimento de concentrado de acordo com a produção de leite, e critérios de secagem, entre outros.

O melhoramento genético é conseqüência da escolha (seleção) dos melhores animais, ou seja, dos animais que produzem mais leite. Assim, faz-se necessário conhecer ou estimar a produção de cada vaca durante cada uma de suas lactações.

A primeira ordenha foi realizada na parte da manhã (06h20), no qual foi produzido 5,820 kg de leite, ja a segunda ordenha ocorreu na parte da tarde (16h00) e obteve 6,540 kg de leite, totalizando 12,360 kg.

Veja abaixo o documento:

2ª aspiração de embriões Gir na Fazenda

Em 28 de março de 2011, foi feita a aspiração de 7 novilhas Gir Leiteiro pela Embryosul. Foram coletados 135 oócitos viáveis, dos quais foram produzidos 51 embriões e em 5 de abril de 2011 foram transferidos 33 embriões para novilhas receptoras F1 nelore x angus.

Foram utilizados os touros: Vale Ouro da Silvânia, Vaidoso da Silvânia e CA Sansão.

Em 2 de junho de 2011 foi feito o diagnóstico de prenhez e a sexagem sendo diagnosticado 14 prenhezes sendo 06 fêmeas e 08 machos.

Veja o vídeo:

Fazenda Cabeceira do Prata realiza 1º FIV

No último dia 26 foi realizado na Fazenda Cabeceira do Prata (Recanto Ecológico Rio da Prata- Jardim MS), o 1º procedimento de Fertilização in Vitro – FIV – biotecnologia onde todos os processos fisiológicos: maturação folicular, fertilização e desenvolvimento embrionário são obtidos em laboratório (in vitro), fora do útero animal, ao contrário da clássica Transferência de Embriões (TE).
De acordo com o relatório de aspiração folicular emitido pela Embryosul (empresa responsável pelo procedimento), todas as doadoras são excelentes novilhas da raça Gir Leiteiro. São elas:
 Injeção Brasília (RRP-6567), com 16 oócitos viáveis;
– Derbati Villefort (IVAR – 718), com 61 oócitos viáveis;
– Celestial Villefort (IVAR – 400), com 72 oócitos viáveis;
– Dalta Villefort (IVAR – 1024), com 25 oócitos viáveis;
– Duida Villefort (IVAR – 776), com 14 oócitos viáveis.
O rendimento da fertilização totalizou a coleta de 188 oócitos viáveis.
Na foto Rodrigo Santos e veterinário Ivan da Mata (blusa listrada). 

O procedimento de aspiração folicular, realizado por Rodrigo G. Santos, teve o acompanhamento do veterinário local, Ivan da Mata e também do capataz da fazenda Caciano Chaves (foto abaixo).

Após esse processo, Marcus, técnico responsável pela parte laboratorial, fez a separação dos oócitos viáveis para encaminhar para o laboratório em Campo Grande (foto abaixo).
Foram introduzidos nos ovócitos (óvulos imaturos aspirados com auxílio do aparelho de ultrasonografia) os sêmens dos renomados touros C.A. Sansão (1º colocado no ranking Gir Leiteiro da PNMGL – Programa Nacional de Melhoramento Genético do Gir Leiteiro), e Barbante TE Kubera (9º colocado no mesmo ranking).45 novilhas estão à espera dos embriões coletados. São novilhas, com aproximadamente 16 meses de idade, cruzadas meio-sangue Black Angus.

Esperamos desmamar 20 crias da raça Gir Leiteiro com o resultado dessa aspiração“, afirma Eduardo Coelho, proprietário da Fazenda Cabeceira do Prata.

Criação na Fazenda Cabeceira do Prata
A Fazenda Cabeceira do Prata deu início ao seu rebanho da raça Gir Leiteiro em 2010. Os animais vêm a somar na diversificação de atividades da fazenda que, além de ter como base o ecoturismo, atua na criação de gado de corte e possui também plantel de equinos da raça Crioula.O objetivo da criação da raça Gir é ampliar a produção de leite de alta qualidade para fabricação artesanal de doces e queijos oferecidos aos turistas e formar um rebanho de animais de alto padrão.

Fotos: Acervo Rio da Prata