Controle leiteiro Gir e Girolando – 14 de Janeiro de 2021

Foi realizado no dia 14 de janeiro o controle leiteiro em 27 exemplares da raça Gir e 37 exemplares da raça Girolando.

Na ocasião algumas vacas Gir produziram mais de 24 kg de leite e Girolando mais de 37 kg de leite. O leite foi medido pelo Médico veterinário Dagmar Rezende, técnico da Girolando.

Controle leiteiro Gir e Girolando – 16 de Novembro

Foi realizado no dia 16 de novembro, na Fazenda Cabeceira do Prata (Jardim-MS), o controle leiteiro em 29 exemplares da raça Gir e e 38 exemplares da raça Girolando.

Na ocasião algumas vacas Gir produziram mais de 28 kg de leite e Girolando, 31 kg de leite. A medição do leite foi realizado pelo Médico Veterinário e técnico da Girolando Dagmar Rezende.

Controle Leiteiro Girolando – 13 de Outubro – Fazenda Cabeceira do Prata

Foi realizado no dia 13 de outubro, na Fazenda Cabeceira do Prata (Jardim-MS) o controle leiteiro em 40 exemplares da raça Girolando. A pesagem dos animais foi realizada pelo técnico da Girolando, Dagmar Rezende. Na ocasião tivemos animais que produziram mais de 35 litros de leite.

Na foto, o técnico da Girolando, Dagmar Rezende, acompanhado pela colaboradora da fazenda, Andreza Sandim.

Controle Leiteiro Gir – 10 de Outubro – Fazenda Cabeceira do Prata

Foi realizado no dia 10 de outubro, na Fazenda Cabeceira do Prata (Jardim-MS), o controle leiteiro em 37 exemplares da raça Gir Leiteiro. A pesagem dos animais foi realizada pela zootecnista e gerente da PMGZ Leite Max*, Mariana Alencar. Na ocasião tivemos animais que produziram mais de 30 litros de leite.

O PMGZ Leite Max* é um novo um novo modelo de aplicação do Programa de Melhoramento Genético de Zebuínos (PMGZ), desenvolvido para o zebu leiteiro e priorizará o incremento de informações das raças zebuínas leiteiras. Atualmente, mais de 220 criadores integram o PMGZ Leite.

Na foto: Zootecnista Mariana Alencar acompanhada pela colaboradora da fazenda, Andreza Sandim.

Controle de cupim na Fazenda Cabeceira do Prata

Colaboradores da Fazenda Cabeceira do Prata (Jardim-MS) realizaram na última terça-feira (22) a ação de manejo para o controle de áreas com infestação por cupim-de-montículo (Cornitermes cumulans).

Foram realizadas as quebras dos cupinzeiros com o uso de um trator e, em seguida, jogado no local duas pás de calcário em cada uma. A ação foi feita em área de invernada com 17 hectares.

Esse manejo já foi realizado anteriormente na propriedade e deu um bom resultado. É uma maneira ecológica de controlar os insetos, pois não agride o meio ambiente. O local será avaliado posteriormente.

Vale ressaltar que cupins habitados não são demolidos.

Veja o vídeo:

Fazenda Cabeceira do Prata investe em equipamentos contra incêndios

Entre os meses de julho e setembro a estiagem, o sol forte e o vento são mais intensos em Mato Grosso do Sul. Durante a estação, propriedades rurais são ameaçadas por incêndios e queimadas, que acontecem por motivos variados. É preciso ficar atento afim de evitar incêndios de grandes proporções.

A Fazenda Cabeceira do Prata (Jardim-MS), onde localiza-se o atrativo Recanto Ecológico Rio da Prata, sempre contou com equipamentos de combate a incêndios como abafadores e máquina costal, além da capacitação da equipe. Porém, em 2019, um incêndio atingiu uma invernada da propriedade rural e o fogo consumiu 173 hectares de pasto. “Com certeza iria consumir muito mais se não tivéssemos os equipamentos”, revela Teódison Gonçalves, conhecido como Mano, gerente do atrativo.

Após esse incidente, novos itens de combate a incêndio foram adquiridos, como bolsa costal de água, abafadores novos e 01 tanque de 8 mil litros próprio para combate de incêndio. “Esse tanque possui uma bomba que injeta pressão na água e direciona em uma distância de 30 metros nos focos de incêndio. Ajuda muito no combate”, revela.

Os equipamentos foram utilizados em 2019 para combater um incêndio em uma propriedade rural vizinha à Fazenda Cabeceira do Prata. “Fomos auxiliar no combate e testamos nosso tanque novo, ele foi muito útil e conseguimos conter o fogo antes de se alastrar para uma área maior da propriedade”, disse Mano.

A Fazenda Cabeceira do Prata conta com os seguintes equipamentos:

01 tanque combate incêndio de 8 mil litros.
01 trator com lâmina
01 trator com grade
03 Sopradores motorizados
11 abafadores
07 mochilas costal
02 bombas costal
01 pinga fogo
03 jalecos
06 toucas árabes
05 pares de luvas raspa
02 óculos de incêndio
02 máscaras de incêndio

Fazenda embarca cavalo da raça Crioula para Antônio João (MS)

Foi realizado nesta quarta-feira (16) na Fazenda Cabeceira do Prata (Jardim-MS) o embarque de uma égua da Raça Crioula, Guavira EFC (RP41) filha de Xote Antigo do Itapororó com Haste da Reservado. O exemplar foi adquirido pelo casal William Magno e Bruna Fernandes do município de Antônio João (MS).